Hospital Ouro Verde terá farmácia de alto custo

Paulo Medina

22/12/2019

Após requerimentos e cobranças do vereador Rodrigo da Farmadic (PP) para a descentralização de remédios da farmácia de alto custo do governo do Estado, a Prefeitura de Campinas confirmou que irá ceder espaço no Pronto-socorro do Hospital do Ouro verde e na UPA do Campo Grande para realizar a entrega de medicamentos e facilitar a vida de

pacientes dessas regiões. Assim, a farmácia de alto custo passará a atender no próprio hospital e na UPA.


“Depois de muita luta, enfim vamos conseguir descentralizar a distribuição de medicamentos da farmácia de alto custo

do governo do estado. A prefeitura irá ceder o espaço no PS Ouro Verde e na UPA campo grande para o estado a dispensação (entrega) do medicamento”, informou o parlamentar.


Farmadic explicou que ainda não recebeu a informação de forma oficial quanto ao prazo para o início do atendimento da farmácia de alto custo no hospital Ouro Verde e na UPA do Campo Grande. O atendimento deve iniciar até março de 2020.


“O anúncio foi feito durante a entrega da reforma do PS adulto, que ocorreu em 28 de novembro. De acordo com o presidente da Rede Mario Gatti, Dr. Marcos Pimenta, a parceria com o governo do Estado, na qual a prefeitura ficará encarregada de disponibilizar espaço físico e Recursos Humanos para entrega de medicamentos de alto custo, deverá iniciar entre fevereiro e março de 2020.

 

Essa medida vai beneficiar muitas pessoas que muitas vezes perdem um dia de trabalho passando horas esperando pra retirar seu medicamento na farmácia que hoje é próxima da região da Câmara Municipal, ”, destacou o vereador.


“Venho cobrando a melhora no atendimento e a descentralização desde 2017 na tribuna da Câmara, assim como outros setores da sociedade também se mobilizaram e agora esperamos ansiosos que se concretize esse projeto”, finalizou o parlamentar.

Jornal Legal © 2020 - Todos os direitos reservados